Yoga, Política e Sociedade

Baseado em 3 avaliações
  • 63 Alunos matriculados
  • 010 Horas de duração
  • 26 Aulas
  • 3 Módulos
  • 1 ano de suporte
  • Certificado de conclusão
Parcele em 6x R$ 52,93 (ou R$ 288,00 à vista) OU
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
ASSINE JÁ

Obtenha acesso a este e outros cursos

"muito lucido"
Ugo
mais avaliações

Conteúdo Programático:

(1) Entendendo os seres humanos e seus processos servis e libertários de gregarismos. Como  animal despossuído de aparatos instintivos de sobrevivência de forma solitária, exige o Outro para viver no planeta, antecipando perigos e persistindo por mais existência, por mais vida.

(2) As 3 formas sociais humanas por Deleuze e Guatarri: a) Sociedades Primitivas; b) Sociedades Imperialistas; c) Sociedades Capitalistas e suas formas de direcionamento do desejo humano em função social.

(3) Propostas de organizações sociais: a) Platão, Aristóteles e Epicuro: a construção social da realidade; b) Hobbes e Locke: os contratualistas; c) Montesquieu e Rosseau; d) Marx, Weber e Foucault: as estruturas de poder e dominação e estratégias de "linhas-de-fuga criadoras".

(4) Yoga como Máquina-de-Guerra contra os Aparelhos-de-Captura desejantes do Estado: geração de fluxos descodificados em busca de novas formas de viver (ou novos yogas).


1 ano Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 1 ano após a matrícula.

A quem se interessa por política e religião e a todos os yogi(ni)s| meditadores cansados.

Prof. Roberto Simões
"Mestre, Doutor e Pós-Doutor em Ciência da Religião pela PUC-SP. Investiga há mais de uma década o Yoga/Meditação e seu diálogo com a sociedade latino-americana."

           

Mestre, Doutor e Pós-Doutor em Ciência da Religião pela PUC-SP, possui a sua graduação em Ed.Física e especialização em Psicologia, Fisiologia e Yoga. Após alguns anos estudando e praticando ioga lançou um livro em co-autoria sobre os aspectos neurofisiológicos e espirituais que envolvem o ioga e a sua mais conhecida prática, a meditação.

Após alguns anos trabalhando como voluntário em grupo de estudos de psicobiologia da UNIFESP enveredou para as humanas e a filosofia, investigando por seis anos a religiosidade do ioga brasileiro. No seu mestrado pesquisou a íntima relação que o ioga contemporâneo vem estabelecendo com a ciência biomédica. Essa aproximação - ioga e biomedicina científica - transforma cada vez mais a prática espiritual ioguica mais como técnica terapêutica laica. O seu foco, no entanto, estava nas ressignificações que esse contato surtiu na doutrina do ioga contemporâneo e, em específico, no surgir das escrituras modernas.

doutorado veio na sequencia, a partir de um problema surgido ao final da sua dissertação. Se a doutrina moderna do ioga havia de ressignificado, qual o impacto disso na proposta antiga de libertação humana (kaivalya)? Desse modo, sai a campo investigando 10 iogues renomados no Brasil e mais 3 cientistas da área biomédica que investigam o ioga como técnica terapêutica.

Entretanto, o grande mote da tese foi evidenciar que o flerte do ioga com a ciência moderna tem reformado os seus preceitos espirituais, como dos klesas em estresse, samadhi em relaxamento-espiritualizado e kaivalya em homestase-eterna.

A repercussão dessa transformação em processo tem conduzido ao ioga contemporâneo desvincular-se do Hinduísmo e da mística Nova Era; como resultado, os iogues mais tradicionalistas reclamam um "retorno à tradição". Seu projeto em andamento (S)sendo Yoga Latino-Americano dá continuidade a essa investigação, agora se preparando para seu pós-doutoramento.

Seu foco de investigação está no ioga contemporâneo com a sociedade latino-americana e suas interface como uma nova espiritualidade autônoma em processo.

Mas o que ele gosta mesmo é estar com a sua família na ilha de Floripa ou viajando com ela, e dialogando com os seus alunos pelas cidades brasileiras e latino-americanas.


Nenhuma descrição cadastrada.

Conteúdo Programático

(1) Platão, Aristóteles e Epicuro
(2) Hobbes, Monstesquieu e Locke
(3) Marx, Weber e Foucault
  • 1. Aula 4| Platão e a divisão social e a "raça" política
  • 2. Aula 5| Aristóteles (1) e a busca do Bem
  • 3. Aula 6| Aristóteles (2) e o Homo Politikus
  • 4. Aula 7| Epicuro, o primeiro hippie e sua comunidade alternativa grega
  • 5. Material de Apoio| Epicuro
  • 6. Aula 8| Thomas Hobbes
  • 7. Aula 9| John Locke
  • 8. Aula 10| Montesquieu
  • 9. Aula 11| Rosseau
  • 10. Aula 12| Karl Marx
  • 11. Aula 13| Max Weber
  • 12. Aula 14| Foucault
  • 13. Aula 15| Deleuze e Guatarri
Material de suporte.
  • 1. O Yoga como Ordenador de Realidades Sociais
  • 2. Como criar "rotas-de-fuga" da servidão humana social com o yoga
  • 3. Esquizoyoga: Uma proposta yoguica para sociedades capitalistas
  • 4. Anti-Plenitude: Um ensaio para yogi(ni)s livre-pensadores
  • 5. As ideias Epicuristas
  • 6. A República (Platão)
  • 7. Ética a Nicômaco de Aristóteles
  • 8. Yoga Anti-Plenitude
  • 9. A indústria do Yoga na construção de corpos dóceis
Voltar ao topo